terça-feira, 20 de maio de 2008

êta!

A tarde, quando me deito, é sempre a mesma sensação.
A criança da casa da frente sempre chora, o portão do vizinho sempre abre,o carro barulhento passa, meu cachorro marrom e covarde sempre late.
E eu aqui, tentanto sentir o que nem mesmo sei se exite.Prevendo.Sem prevenir.

Aííííí, Sáái melancolia, me devolve a alegria, que eu quero briincar!
Sono.

Um comentário:

Carolina Vidal disse...

Continuo esperando as novidades que vc tme pra me contar, hein... =)

Saudade de conversar com vc!!!

Beijão, menina da voz linda e mto doce!